41.3023-7542

transmit@transmit.com.br

Top

Economia no serviço de entregas: frota própria ou terceirizada?   

Motoboy Curitiba e Entregas Rápidas | Transmit EntregasSem categoria Economia no serviço de entregas: frota própria ou terceirizada?   

Economia no serviço de entregas: frota própria ou terceirizada?   

Muitos ainda têm dúvidas sobre o que é mais vantajoso economicamente: ter frota própria para atender o transporte de entregas de sua empresa ou terceirizar o serviço.  Empresas que ainda têm a própria frota defendem a primeira opção, por terem autonomia e controle sobre seus funcionários, aparência quanto ao atendimento, treinamento, etc. Mas, convenhamos, é muito melhor – e menos estressante – ter uma empresa que é especialista na função cuidando da gestão dos veículos por você.

Ao invés de preocupar-se pensando no pagamento dos funcionários, documentação ou manutenção dos veículos, seu foco será no que realmente importa: a expansão dos seus negócios. Ou seja, ter uma empresa parceira no serviço de entregas custará muito menos à sua empresa.  

Confira os principais gastos de sua empresa com a frota própria e entenda do que estamos falando:

Despesas com frota própria:

  • Salários e férias com encargos;
  • Benefícios (saúde, alimentação, transporte, cursos…);
  • Óleos e Lubrificantes;
  • Manutenção em geral (lavagem, peças, etc.)
  • Seguro dos veículos;
  • Seguro das cargas;
  • PVA/Seguro Obrigatório/Licenciamento;
  • Multas;
  • Administração.

Por isso, as empresas que ainda hoje possuem administração própria de frota estão revendo seus conceitos e chegando à conclusão de que a terceirização é mais vantajosa em todos os aspectos, seja no financeiro ou mesmo no operacional. Confira:

Vantagens de terceirizar os serviços de entrega:

  • Evita a imobilização de capital em veículos.
  • Melhora o fluxo de caixa, liberando recursos para capital de giro.
  • Reduz o grau de endividamento e do custo financeiro.
  • Deduz do Imposto de Renda as despesas com locação de veículos.
  • Racionaliza e reduz a necessidade de instalações físicas e de pessoal.
  • Possibilita o maior planejamento e controle dos custos de transportes.
  • Negociação para a compra dos veículos.
  • Licenciamento e emplacamento.
  • Seguros – contratação para acidentes, furto, roubo e incêndio.
  • Carro reserva – fornecimento em caso de pane ou acidente.
  • Acidentes – Acompanhamento judicial e extrajudicial.
  • Reparação dos veículos acidentados.
  • Manutenção preventiva e corretiva – administração e controle.
  • Garantias – acompanhamento e controle de serviços e peças.
  • Multas de Trânsito – identificação, gestão, pagamento e cobrança.
  • Contabilização das receitas e despesas com a frota.
  • Gestão e controles informatizados da frota.

 

call-to-action-footer